Nova Iguaçu Online
Notícias de Nova Iguaçu todo dia

Pai de porteiro morto arrecada alimentos em Nova Iguaçu

Receba as matérias da sua cidade em primeira mão no seu smartphone ou tablet. WhatsApp CLIQUE AQUI ou Telegram CLIQUE AQUI

O pai de Cláudio Henrique Nascimento de Oliveira, morto durante operação da PM no morro do Vidigal, em janeiro deste ano, promoveu uma arrecadação de alimentos para o neto Rian, de 1 ano. A ação aconteceu na manhã deste domingo, em Nova Iguaçu, e reuniu parentes e amigos do porteiro.

Para Claudio Meirelles, pai de Claudinho, como era chamado entre os amigos, a contribuição de quem participou da ação foi um gesto de carinho com a família.

— O Claudinho foi nascido e criado aqui. E o fato de todas essas pessoas terem ajudado doando uma fralda, leite, e o seu tempo, só mostra o quanto ele era um homem bom e que não estamos sozinhos nessa — comenta.

Claudio Henrique Nascimento de Oliveira tinha 24 anos, era casado, trabalhava como porteiro em Ipanema, na Zona Sul do Rio, e ganhava um pouco mais de um salário mínimo.

O caso

No dia 16 de janeiro deste ano quatro suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas morreram a tiros durante operação da Polícia Militar no Vidigal, na Zona Sul do Rio. Na época, a corporação informou que, com eles, foram apreendidas duas pistolas, quatro granadas e uma quantidade de entorpecentes ainda não contabilizada.

De acordo com a PM, os criminosos atiraram contra os policiais no período da tarde e houve confronto. Nas redes sociais, os moradores relataram barulhos de tiros principalmente na parte baixa da comunidade. Circulam imagens que mostram o momento em que PMs atiram.

Fonte: Extra

Inscreva-se em nossa Newsletter
Cadastre e receba notícias direto para seu email
Você pode se desinscrever a qualquer momento
você pode gostar também
Comentários
Loading...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Nós garantimos que está tudo certo com isso, mas você pode não desejar isso. Aceitar Saiba Mais