Nova Iguaçu Online
Notícias de Nova Iguaçu todo dia

Famílias dos bairros Guandu e Grama são agraciadas por doação do Papa Francisco

Uma das regiões mais afetadas no Brasil pela pandemia da Covid-19, a Baixada Fluminense, no Estado do Rio de Janeiro, possui histórico de pobreza, violência e descaso do Poder Público, nos últimos dias pôde sentir a presença solidária do Papa Francisco.

A Região que é composta por 13 municípios (Nova Iguaçu, Duque de Caxias, Itaguaí, Belford Roxo, São João de Meriti, Seropédica, Magé, Guapimirim, Nilópolis, Mesquita, Queimados, Paracambi e Japeri) que fazem parte de 4 dioceses do Regional Leste 1 – CNBB, tem na Diocese de Nova Iguaçu a Igreja Particular com a maior faixa territorial e, conseqüentemente, com a maior parte dos diversos problemas sociais e econômicos da Baixada Fluminense.
Nesta grave crise sanitária que estamos atravessando, a Diocese de Nova Iguaçu, precisou interromper a celebração pública das missas e celebrações, bem como suspender todas as atividades pastorais, mas, reforçou os projetos sociais já existentes como a Cáritas Diocesana, o Centro de Direitos Humanos, as Obras Sociais, os projetos das Paróquias e de fiéis de forma particular e ampliou sua missão caritativa para atender o grande aumento na procura por auxílio pelas famílias.
Somando forças a essas iniciativas, a Diocese recebeu o apoio financeiro de 10 mil reais do Papa Francisco, doado através da Nunciatura Apostólica no Brasil. Essa generosa oferta do Santo Padre foi totalmente utilizada na compra de cestas básicas e kits de higiene que já foram entregues para famílias dos bairros que estão entre os mais carentes do Estado do Rio Janeiro, foram eles: Guandu e Bairro da Grama em Nova Iguaçu.

Padre Ivo agradeceu e abençoou os donativos durante a transmissão da Missa na paróquia do bairro da Grama.

Dom Gilson Andrade, bispo de Nova Iguaçu, manifestou sua gratidão ao Papa Francisco, “nesse tempo em que a solidariedade é um caminho de esperança para tanta gente, somos gratos ao Papa Francisco e nos sentimos muito felizes por poder contar com sua ajuda valiosa. Ele é o pastor que tem despertado o mundo para que ninguém fique indiferente diante do sofrimento alheio. A Igreja está perto das pessoas não só geograficamente, mas compartilha com elas da vida concreta. Os padres têm testemunhado o aumento de tantos irmãos e irmãs necessitadas. O Santo Padre estendeu a mão e sua caridade trouxe alegria e esperança para as pessoas que foram contempladas com essa ajuda. Assim sentimos ainda mais forte a nossa comunhão e a nossa gratidão para com o Santo Padre. A sua caridade é estímulo para que nós continuemos encontrando caminhos para cuidar das pessoas neste tempo de incertezas e sofrimentos”.
Fonte: Diocese de Nova Iguaçu

 

você pode gostar também
Comentários
Loading...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Nós garantimos que está tudo certo com isso, mas você pode não desejar isso. Aceitar Saiba Mais