Nova Iguaçu Online
Notícias de Nova Iguaçu todo dia

Black Friday: Procon-RJ realizou fiscalização especial na capital e Baixada Fluminense

Receba as matérias da sua cidade em primeira mão no seu smartphone ou tablet. WhatsApp CLIQUE AQUI ou Telegram CLIQUE AQUI
PÁGINA INICIAL > IMPRENSA > NOTÍCIAS

Divulgação

Black Friday: Procon-RJ realizou fiscalização especial na capital e Baixada Fluminense

30 de novembro de 2020

 

Fiscais do Procon Estadual do Rio de Janeiro vistoriaram 25 lojas em seis shoppings nas zonas Norte, Oeste, Sul do Rio e na Baixada Fluminense, além de monitorar 10 websites de e-commerce. A fiscalização ocorreu nesta sexta-feira (27/11), dia oficial da Black Friday. O objetivo da operação era checar denúncias e verificar se houve maquiagem de preços, descumprimento da oferta e publicidade enganosa, além de orientar fornecedores sobre o Código de Defesa do Consumidor e normas consumeristas. A ação ocorreu em lojas de eletrodomésticos, vestuários, perfumarias, artigos esportivos, telefonia, móveis e artigos para o lar.

 

Desde o mês de outubro, equipe de fiscalização e pesquisa vem monitorando os preços dos itens mais buscados durante a Black Friday. Televisores, celulares, fogões, geladeiras e lavadoras estavam no radar dos agentes. Os fiscais constataram irregularidades na oferta de cinco estabelecimentos comerciais: Natura, Tok e Stok, Claro e duas lojas do Ponto Frio. Todas exibiam o valor das parcelas de forma mais visível do que o preço total do produto e do número de parcelas.

 

A loja física da Natura apresentou indício de maquiagem de preço de um condicionador para cabelos, que em 13/11 era vendido no valor promocional de R$ 34,50 por R$ 22,90. Na ocasião o produto sofreu aumento, custando R$ 25,90, como item de Black Friday. Já no e-commerce, dos 10 sites monitorados, os fiscais constataram o mesmo problema em quatro sites. No site Submarino o preço ofertado na promoção Black Friday para uma Smart TV 43” e um notebook foi o mesmo da data antecedente à promoção (26/11/2020). Ainda era informado preço anterior maior do que realmente era praticado para o notebook. 

 

Nas Casas Bahia, uma lavadora de roupas participante da oferta estava com o mesmo preço de antes. Já a Fast Shop anunciou em seu site um fogão cinco bocas por R$ 2.299,00 com preço anterior de R$2.743,00, valor este não praticado desde o começo do acompanhamento pelos fiscais em outubro deste ano. No Shoptime os fiscais constataram que o valor de uma lavadora de roupas em oferta ao ser colocada no carrinho saltava de R$ 1.090,00 para R$ 1.299,99.

 

Os sites Magazine Luiza, Americanas, Extra, Ponto Frio, Casa e Vídeo e Samsung não apresentaram irregularidades para os produtos monitorados. Caso o consumidor tenha notado alguma oferta com indício de maquiagem de preços, o Procon-RJ orienta que seja enviada a captura de tela do preço anterior e do praticado na Black Friday para o WhatsApp de denúncias do órgão: (21) 98104-5445. 

Inscreva-se em nossa Newsletter
Cadastre e receba notícias direto para seu email
Você pode se desinscrever a qualquer momento
você pode gostar também
Comentários
Loading...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Nós garantimos que está tudo certo com isso, mas você pode não desejar isso. Aceitar Saiba Mais