Nova Iguaçu Online
Notícias de Nova Iguaçu todo dia

Horizonte 2021: fábrica de vacinas vai criar 5 mil empregos na construção civil

Receba as matérias da sua cidade em primeira mão no seu smartphone ou tablet. WhatsApp CLIQUE AQUI ou Telegram CLIQUE AQUI
PÁGINA INICIAL > IMPRENSA > NOTÍCIAS

Divulgação

Horizonte 2021: fábrica de vacinas vai criar 5 mil empregos na construção civil

3 de janeiro de 2021

 

A construção do Complexo Industrial de Biotecnologia em Saúde da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), em Santa Cruz, na Zona Oeste da capital fluminense, é cercada pela expectativa da criação de cinco mil empregos na construção civil.  Outros 1.500 postos de trabalho podem ser gerados com o funcionamento do complexo para a produção de vacinas e biofármacos. Este será o maior centro de produção de imunizantes da América Latina.

 

O empreendimento no Distrito Industrial de Santa Cruz vai atrair novas empresas para o local, considerando a cadeia de suprimentos necessária para o grande volume de produção. A previsão é que a unidade esteja concluída em 2023; no mês passado, foi assinada a escritura definitiva do terreno num evento que contou com as presenças do governador em exercício Cláudio Castro; o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello; e a presidente da Fiocruz, Nísia Trindade Lima.

 

Com 580 mil metros quadrados, o terreno que abrigará o complexo foi cedido pela Companhia de Desenvolvimento Industrial do Estado do Rio de Janeiro (Codin). Serão nove prédios, englobando setores de processamento, embalagem, armazenamento de matéria-prima e produtos finais, controle e garantia da qualidade, e centrais de tratamento de resíduos e efluentes. No local, serão produzidas todas as vacinas da Fiocruz.

 

– A Fiocruz vai se instalar em um distrito industrial onde há toda uma perspectiva de novas produções de fármacos e vacinas, e também vai atrair a cadeia produtiva, com a necessidade de insumos e equipamentos. Então, além da questão da pandemia e da saúde pública, que é o nosso foco, também teremos geração de emprego e renda para a população fluminense – afirmou Fábio Galvão, presidente da Codin, no dia da assinatura da escritura do terreno.

Inscreva-se em nossa Newsletter
Cadastre e receba notícias direto para seu email
Você pode se desinscrever a qualquer momento
você pode gostar também
Comentários
Loading...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Nós garantimos que está tudo certo com isso, mas você pode não desejar isso. Aceitar Saiba Mais